segunda-feira, 11 de julho de 2011

SEM ESPÍRITO ESPORTIVO


Texto escrito por minha filha depois que retiramos as aves no Campeonato Brasileiro 2011.

Ganhar uma roseta no Campeonato Brasileiro de Ornitologia, é um sonho da maioria de criadores de aves, sejam elas aves exóticas, de porte, de canto ou de cor, mas neste final de semana, me deparei com a cena mais desanimadora para um criador, em um dos corredores na sede da F.O.B. havia uma grande pilha de rosetas largadas no chão!

Naquela hora, qualquer um poderia passar pegar uma e sair feliz da vida falando que “ganhou” a roseta, e para provar esta teoria eu peguei uma roseta de campeão de quarteto, e agora, quem vos escreve esta com uma roseta pendurada em seu quarto.

Para mim, estas pessoas que largam rosetas ou cartões de premiação são pessoas que vão competir por lucros, só para vender as aves premiadas por 500, 600 e até 1.000 reais, estas pessoas não tem o menor espírito esportivo, elas não conhecem a sensação do nervosismo do julgamento, a frustração de derrota e o frescor da vitória, caso eu ganhasse uma única roseta, eu iria pelo menos levar para casa e lembrar-se da sensação de vitória que se tem depois de anos e anos de busca pela ave perfeita.

Então peço que se você for concorrer, concorra pela vitória e não pela ganância, por que dinheiro não trás felicidade, se as pessoas trocassem animais por dinheiro, quem iria te acordar de manhã com um canto magnífico? Certamente não o dinheiro!

Por Carolina de Souza Peruzzo, 10 anos

5 comentários:

Armindo Tavares disse...

Olá, Peruzzo!
Parabéns por sua filha. Um menina que vê mais longe que muitos adultos.
Saudações ornitófilas.
Armindo Tavares,

prof Tito Prof Tito disse...

Olá amigo Peruzzo.

Parabens pelao artigo. Sua filha realmente conseguiu com elegancia e poesia falar uma das grandes verdades da canaricultura.
Que esse artigo toque os corações dos envolvidos.

Abraços Lizardinos.

CRIADOURO PERUZZO disse...

Muito Obrigado Colegas,
realmente a cena que vimos não foi nada agradável, foi isto que a fez escrever.
Abraços

CANARIL SANTA EDWIGES disse...

Sua filha resumiu tudo que penso.

CRIADOURO PERUZZO disse...

Obrigado pelo comentário!
Abraços